Não sei bem quem ou o que sou. Ainda tento desvendar meus próprios segredos. Sempre descubro alguma coisa a meu respeito. Estou me autoconhecendo aos poucos.

terça-feira, 24 de maio de 2011

O QUE VOCÊ É PRA MIM


Você é pra mim
O calor do Sol em dias frios,
Arrepio inesperado ao ouvir tua voz,
Sorriso em meus lábios ao tocar os teus,
Meu alimento nos momentos famintos...

E o que é pra mim?
É minha lágrima na hora da despedida,
O brilho que arde em meus olhos ao te encontrar,
Reflexo de um luar em plena madrugada.

O que eu quero ser pra você?
Quero ser a brisa suave que passa de leve
E te faz fechar os olhos ao se lembrar de mim...
Quero ser tua sensação ao recordar minhas palavras
E se arrepiar com elas...

Quero ser tua emoção ao recordar meus abraços
Não recebidos, nunca trocados...
Ser teu desejo e tua chama em todo teu pudor...

Porque é meu recanto de descanso,
Teu "EU" dentro de mim,
Minha saudade desejando e implorando teu corpo...

E eu quero ser
Teu tudo em meio ao nada,
Tua calma em meio ao desespero,
Teu universo inteiro
Em pleno pedaço de mundo...

Sendo pra mim
Toda água necessária para saciar minha sede,
Meu coração exaltado ao receber um torpedo teu,
Alegria ao acordar somente para ouvir você...

Desejo ser
Teu início, teu meio, teu fim,
Felicidade no reencontro,
Respiração alterada ao te tocar,
Sorriso em teus lábios ao se pegar pensando em mim...
Teu suspiro ao imaginar-me
E tua esperança ao pensar que será feliz quando encontrar-me,
mesmo que, por enquanto,
Teu receio em sofrer seja maior que tudo isso.

E é apenas isso que eu quero ser pra você...
Quero ser exatamente tudo o que,
Há muito tempo, já se tornou pra mim...


Cyssa Amaral  24.05.2011

Nenhum comentário: